terça-feira, 15 de maio de 2007

EUA: 30% das crianças sem cuidados de saúde

"Cerca de 30% das crianças norte-americanas (23,7 milhões) vive sem acesso regular a cuidados de saúde num dado ponto de um dado ano, de acordo com um estudo revelado esta quinta-feira pela associação Fundo de Saúde das Crianças.

Estes dados incluem nove milhões de crianças - definidas no estudo como pessoas com menos de 20 anos - sem seguro de saúde, 11,5 milhões sem qualquer tipo de cobertura médica num dado ponto de um dado ano e 3,2 milhões que não têm acesso a consultas médicas por falta de transporte fiável.

«Mais crianças do que nunca têm dificuldades em obter os cuidados médicos de que precisam e não é apenas uma questão de seguro», afirmou o Dr, Irwin Redlener, presidente do grupo que elaborou o estudo.

O mesmo responsável afirma que a perda da possibilidade de cuidados médicos é muitas vezes gerada ou pela entrada no desemprego de um dos pais, ou pela mudança de um progenitor para um emprego que não oferece seguro de saúde, ou ainda por ganharem demasiado para entrarem no Medicaid (sistema governamental de cuidados de saúde para os pobres) mas não o suficiente para pagarem um seguro privado de saúde.

Por último, Redlener, fundador da organização a par com o cantor Paul Simon em 1987, adverte que «crianças com problemas de saúde negligenciados terão problemas na escola e poderão vir a ser bem menos produtivas do que poderiam ser»."

Diário Digital / Lusa

03-05-2007

Império sim...mas a que preço?
Notícia recolhida pela Annie, especialmente dedicada ao Jota Esse Erre.

Sem comentários: